SERRA UNILOG F7
Notícia - 28/04/2018 às 15:04:03
OS LOBOS VERMELHOS CONTINUAM SEM PERDER A 670 DIAS
A "Fúria" estreia com vitória

Por VITOR SIMÕES
VITÓRIA, ES
Homenagem da torcida "Furiosa" (Foto: Varzapp)
          A Unilog segue seu caminho de vitórias, a equipe jogou oficialmente pela primeira vez no ano, na primeira rodada da copa metropolitana. A equipe encontrou seu algoz da última derrota em 12/06/2016, a equipe da Premium. Equipe que reformulou e trouxe de volta alguns jogadores e seu comandante Juninho, a equipe após essa partida mostra que retornou para chegar em todas as competições, com destaque para os craques do beach soccer, Rui e Juninho Bebe.
          O destaque ficou para a surpresa dos torcedores da Unilog, em especial as esposas, namoradas, mães, filhos e filhas, que fizeram uma bela festa de entrada, para homenagear os campeões de tudo, em 2017. Realmente muito marcante para os atletas, que ofertou um gás a mais. Capitaneadas pela nossa "general" Flávia Simão, que organizou uma bela festa e comanda nossa torcida “Furiosa”.  

Primeiro tempo

Impondo um ritmo intenso, com muita qualidade na posse de bola e uma marcação sufocante, a Unilog abriu o marcador com um chute de longa distância do sempre decisivo Rafinha Canhoto, onde o goleiro tentou afastar a bola, mas acabou entrando no ângulo. A equipe continuou o domínio da partida e com as trocas somado ao ritmo alucinante, o ala Fabinho colocou Romenick sozinho para ampliar a partida. O Primeiro tempo encerrou com uma grande supremacia da “Fúria”.  

Segundo Tempo

A Equipe da Premium se lançou ao ataque, subiu a sua marcação, porém não encontrava o tempo da marcação e a Unilog continuou nos 7 primeiros minutos, impor uma posse de bola com muita qualidade, porém a equipe de Guarapari mudou a estratégia e dos 7 minutos até os 18 minutos, não só descontou o placar, em chute do pivô Leonardo, onde a bola ainda desviou no ala Vitinho, como continuo em cima, onde por duas vezes o fixo Lekão e o ala Fabinho evitaram gols praticamente certos, da equipe Premium. E em um lance individual, o ala Navinha um dos mais regulares da Unilog desde o ano passado, fez o terceiro gol, jogando uma ducha de água fria na equipe de Guarapari.  
             A Unilog continua sua invencibilidade a nível nacional e estreia com o pé direito.

Navinha eleito o melhor jogador da partida fala sobre o jogo.

“Sigo o mantra que o nosso treinador nos ensinou. Trabalho, treino, descanso, trabalho, treino, descanso. Se a nossa equipe render na unidade como estamos fazendo, podem até nos ganhar, mas terão que correr e se doar muito”

Uma ótima fase, sendo decisivo nos jogos da Unilog, a Seleção Brasileira batendo a porta, chegou sua hora?

“Posse até ser repetitivo, mas confio fielmente no nosso treinador que é o mesmo da Seleção, ele fala muito em meritocracia e continuar o trabalho independente das outras pessoas, estou fazendo o meu papel. Minha dedicação com ele tem mais de 5 anos, estou plantando há muito tempo, mais dia, menos dia minha hora vai chegar. E quando chegar podem ter certeza que não sairei mais. ”

Qual será o maior adversário do ano na Unilog

“Adversários que já conhecemos, como: Mendes, Juventus, Ouro Verde, Bola na Rede e outros que já sabemos e estudamos eles. Mas, com o respeito a todas as equipes, nosso maior adversário, será nós mesmos, temos um elenco em que qualquer atleta pode ser titular em qualquer outra equipe, mas o saber esperar sua hora, com lealdade, com responsabilidade, sendo parte da equipe é o segredo. Nosso treinador todo sábado nas orações em que fazemos, combate o ego, a soberba e diz que hora de cada um vai chegar e quando chegar cada um deve agarrar seu lugar. ”

Surpreendido com os elogios Maurição destaca a palavra “Unidade”, além de rasgar elogios aos goleadores da partida e também Walter,Lekão e Tuti.

“ Navinha é o atleta que mais sofreu comigo no futebol, no início incompatibilidade de jogo e de gênio, teve a humildade de correr atrás, no momento em que eu havia desistido dele. Ele com certeza nos ajudará a novas conquistas e terá grandes oportunidades futuras, sou fã dele. Mas lembro da palavra “Unidade”, claro que em alguns jogos, individualmente alguns atletas vão estar acima, outros um pouco abaixo, o importante será essa leitura deles de melhorar, porém que não percamos a unidade.
 Falar dos atletas que fizeram gols é óbvio, Rafinha Canhoto decisivo como sempre, Romenick desde o último semestre de 2017 é melhor segunda linha do país e Navinha chegando cada vez mais a perfeição. Mas queria um destaque para Walter, Lekão e Tuti, o monstro no gol foi solicito com o projeto, em um problema que o nosso outro goleiro teve e assumiu a responsabilidade, algo que já vem fazendo desde a sua chegada. Lekão que hoje vive sua melhor fase comigo, está se cuidando e altamente focado no projeto, lembro até em um lance de 3x2 que ele tomou uma decisão de achar o passe e cobrou do time uma postura coletiva que não tivemos no momento e o Tuti é algo especial, quanto mais parece que desafio ele, mais ele mostra resultado, vem jogando o fino do futebol 7 nesse início da temporada, sendo um dos melhores dos treinamentos e altamente inteligente nos jogos.”

Mas a torcida ficou um pouco na expectativa das estreias de Mário Matador e Vitinho que passaram em branco, ficaram devendo?

“Falar que esses dois jogadores ficaram devendo é de uma covardia muito grande, os demais atletas estão praticamente há dois anos na mesma batida. Esses atletas estão na Unilog, pois tem muita qualidade e vão nos ajudar em vitórias e títulos esse ano. O Vitinho por exemplo, tinha um compromisso que foi liberado hoje para fotos do casamento e fez uma correria para estar no jogo, o Mário jogou contra sua ex equipe, onde era o maior goleador e capitão. Esse período de adaptação é normal, podem ficar tranquilos que eles estão na fábrica de monstros, mais cedo ou mais tarde, eles serão destaques nas partidas e títulos. Se estão aqui é porque possuem qualidade, o restante virá com o tempo, como todos tiveram essa adaptação.”  

A Unilog deu folga para os seus atletas nesse sábado e retorna aos treinamentos na próxima semana visando o maior clássico do país no futebol 7, contra o campeão Brasileiro de 2016, Mendes.





publicidade